Enable javascript in your browser for better experience. Need to know to enable it? Go here.

Relatório de impacto social:

Nosso propósito em ação

Nosso propósito é criar impacto extraordinário por meio de nossa cultura e excelência em tecnologia, e nosso relatório de impacto social anual fornece um resumo de como colocamos essa missão em prática. O material visa capturar a profundidade, abrangência e alcance global de nosso compromisso com impacto social e princípios ambientais, sociais e de governança (ESG) [1].

 

O relatório explora como estamos promovendo resultados positivos em algumas de nossas áreas de foco: Inovação e tecnologia responsável; diversidade, equidade e inclusão; justiça social; sustentabilidade e ação climática; saúde e direitos humanos; educação; governança.

 

Este relatório também leva em consideração as perspectivas e prioridades de diferentes stakeholders – de Thoughtworkers a clientes, grupos investidores e órgãos reguladores – ao tecer considerações sociais e de sustentabilidade, bem como governança mais profundamente em nossas operações e no setor de tecnologia. Compartilhamos histórias como uma maneira poderosa de mapear nossos esforços e seus resultados e amplificar os esforços de organizações parceiras e movimentos com os quais nos solidarizamos para resolver problemas sociais profundamente enraizados.

Apesar de nos comprometermos com o impacto social por quase três décadas, estamos apenas começando nossa jornada com relatórios ESG mais formais. Começamos a relatar nosso impacto social em 2018 e desde então assinamos a plataforma Science Based Targets Initiative (SBTi), o Pacto Global da ONU e a plataforma Carbon Disclosure Project (CPD).

 

Começamos a trabalhar em nossa avaliação de materialidade ESG e estruturas de relatórios, concluindo uma avaliação do Conselho de Normas Contábeis de Sustentabilidade (SASB) em 2021 e alinhando nossas prioridades aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU. Em 2022, concluiremos uma avaliação completa de materialidade com stakeholders para orientar nosso foco e nossos relatórios. Usamos a Global Reporting Initiative (GRI) como uma estrutura orientadora para compartilhar nossos dados de impacto e planejamos relatar mais formalmente as métricas da GRI em 2023.

Timeline of Thoughtworks ESG accomplishments and milestones from 2010 to 2022, showing work on Bahmni from 2012 to present day, and other examples

Sustentabilidade, solidariedade e serviços: praticando tecnologia responsável para criar impacto social positivo

 

Como tecnologistas, é da nossa natureza lutar para resolver problemas. Mas como uma organização com uma missão social desde o início, entendemos que ocupamos uma posição distinta na interseção de tecnologia, sociedade e negócios. Esta posição é um privilégio e uma obrigação, e nos obriga a agir a serviço de nossas muitas partes interessadas – mantendo sempre a consciência de que a tecnologia não tem todas as respostas.

 

Em todas as regiões da Thoughtworks, trabalhamos para apoiar as necessidades identificadas localmente, estabelecendo parcerias de longo prazo com organizações sociais locais e, então, buscamos alinhar essas estratégias com objetivos globais mais amplos. Ao longo dos anos, stakeholders da empresa — incluindo Thoughtworkers e a sociedade — moldaram essa abordagem. Isso nos dá um alinhamento natural com muitas estruturas e pactos em torno de questões sociais e ambientais em todo o mundo, incluindo as Normas SASB (Sustainability Accounting Standards Board) e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas.

Além de nosso trabalho de mudança social estar alinhado aos ODS, continuamos trabalhando com parceiros da ONU em iniciativas específicas para avançar nos ODS. Por exemplo, fizemos parceria com a Coalizão de Sustentabilidade dos EUA para construir a plataforma SustainChain™, que foi recentemente reconhecida como uma das "ideias que mudam o mundo" de 2022 da Fast Company [2]. A SustainChain™ existe para acelerar o progresso em direção aos ODS, permitindo que várias partes interessadas e grupos descubram, alinhem e unifiquem de forma inteligente os esforços de sustentabilidade em um ecossistema.

 

Este relatório compartilha vários exemplos de aplicações da tecnologia sendo usadas para beneficiar a sociedade. A tecnologia responsável requer um reconhecimento e reconhecimento de que a tecnologia não é inerentemente uma força para o bem, ou necessariamente neutra.

 

As histórias deste relatório mostram o que é possível alcançar com uma mentalidade de tecnologia responsável – e também por que nosso trabalho deve continuar. Muito resta a ser feito.

“Nosso mundo está sendo remodelado por uma revolução tecnológica. Como tecnologistas, precisamos estar cientes de que temos uma responsabilidade fundamental em relação ao futuro que estamos ajudando a construir. Isso significa que enfrentamos contradições sobre as quais precisamos tomar decisões difíceis e assumi-las. Trabalhar com movimentos sociais que dão voz a grupos que foram historicamente marginalizados nos permite entender e resolver melhor essas contradições.”
 
Eduardo Meneses
Global Head, Social Change Group, Thoughtworks 

 

Nosso framework de impacto social: uma base para tecnologia responsável que gera resultados

 

A tecnologia responsável é um componente-chave de nosso longo e contínuo compromisso com a mudança social, porque é cada vez mais evidente que cada uma precisa da outra. A tecnologia tornou-se parte central da sociedade, e pode criar conexões e soluções que nunca antes foram possíveis. No entanto, tecnologia e tecnologistas não podem resolver os problemas sociais sem apoio.

 

O progresso significativo depende de parcerias e do estabelecimento de relações com movimentos sociais e vozes historicamente excluídas – como migrantes e Primeiras Nações. Adotar visões diversas e agir em vários níveis são as únicas maneiras de enfrentar os desafios da complexidade e magnitude que enfrentamos agora, desde o aumento da desigualdade até as mudanças climáticas.

 

Desenvolvemos nossa estrutura de impacto social em 2018, para nos ajudar a pensar sobre as alavancas da mudança social e garantir que nosso trabalho avance em várias dimensões, do individual ao internacional.

The levers of social change: individual, organizational, industry-level, movements, and society The levers of social change: individual, organizational, industry-level, movements, and society

A tecnologia como aliada e agente de mudança

 

No ano passado, adotamos novas medidas para identificar e abordar desigualdades sistêmicas persistentes com a tecnologia. Os exemplos incluem a criação de uma ferramenta que relata a diversidade real por meio de influência e compartilhamento de voz, com a organização Women at the Table, e ajudando a unir e mobilizar profissionais informais no sul global.

 

Temos esforços concentrados na resposta às crises de grupos refugiados que se desenrolam na Ucrânia e em outras zonas de conflito. Estes são construídos com base em parcerias existentes, permitindo-nos oferecer ajuda significativa à logística médica e às organizações de apoio a indivíduos refugiados no local. Nossa prioridade vai além da ação imediata; desde fornecer doações e caminhos para a segurança, até apoiar a infraestrutura que sustenta a ajuda e a recuperação de longo prazo.

 

Do ponto de vista climático, embarcamos em programas ambiciosos para direcionar nossa organização e nossa base de clientes a reduzir as emissões da indústria de tecnologia. A tecnologia emergiu como uma dos principais contribuidoras para as mudanças climáticas e desempenhará um papel crítico na luta contra as mesmas. Ao assinar o Pacto Global da ONU, nós nos unimos a outras empresas que lideram a defesa de importantes compromissos em relação ao meio ambiente, esforços anticorrupção, direitos trabalhistas e humanos,

“Uma evolução natural para uma empresa com propósitos é considerar profundamente o ambiente na forma como operamos nossos negócios. Mas essa perspectiva não se limita à redução de carbono. Estende-se à dinâmica que sustenta a crise climática e garante que os investimentos priorizem as pessoas mais vulneráveis.”
 
Elise Zelechowski
Global Head of DEI, Sustainability and Social Change, Thoughtworks  

 

Como este relatório mostra, nossas iniciativas de impacto social assumem muitas formas diferentes. Estas se encontram em vários estágios de desenvolvimento e geralmente estão em andamento como parte de programas plurianuais e parcerias de longo prazo. Mas todos estão enraizados nas mesmas convicções básicas. Em primeiro lugar está a solidariedade; que nossa resposta a qualquer crise ou desafio deve ser liderada pelas organizações e comunidades que estão mais próximas da situação, e não por nossas próprias prioridades ou vieses.

 

A segunda é que desequilíbrios sociais, ambientais e econômicos arraigados não podem ser tratados isoladamente. A transformação genuína requer os esforços e a participação de uma ampla gama de agentes, muitas vezes concorrentes, chegando a um acordo com a tensão existente e a decisões ocasionalmente contenciosas. Isso não é fácil. Guiadas por nossos valores, pelas pessoas e organizações com as quais nos relacionamos, garantimos que nosso trabalho seja sempre uma expressão de propósito, direcionado para onde é mais necessário.

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU

Icons showing the 17 UN sustainable development goals Icons showing the 17 UN sustainable development goals

ODS priorizados pela Thoughtworks

Thoughtworks supports specific SDGs:  (3) Healthcare as a human right, (4) Education, (5) Beyond diversity, (8) Operating with integrity, (9) Responsible tech, (10) Inclusivity and social justice, (13) sustainability and climate action Thoughtworks supports specific SDGs:  (3) Healthcare as a human right, (4) Education, (5) Beyond diversity, (8) Operating with integrity, (9) Responsible tech, (10) Inclusivity and social justice, (13) sustainability and climate action

Notas de rodapé

 

[1]  A maior parte deste relatório reflete as ações, programas e eventos de 2021. Algumas informações incluem “declarações prospectivas” dentro do significado das disposições de “porto seguro” da Lei de Reforma de Litígios de Títulos Privados dos Estados Unidos de 1995, conforme alterada. As declarações prospectivas incluem declarações que não são fatos históricos e podem ser identificadas por termos como “acreditar”, “planejar”, ​​“esperar”, “provável”, “ arbítrio” ou referências semelhantes a períodos futuros. Essas declarações são baseadas em informações, crenças e expectativas em relação ao futuro de nossos negócios, eventos previstos, economia e outras condições futuras na data de publicação, mas estão sujeitas a muitos riscos e incertezas que podem causar eventos ou resultados reais diferem de nossas expectativas, incluindo condições gerais de negócios e econômicas, ou nossa capacidade de executar nossos planos estratégicos. Informações sobre esses e outros riscos e incertezas podem ser encontradas na seção “Fatores de risco” dos relatórios trimestrais da Thoughtworks no Formulário 10-Q, nosso Relatório Anual no Formulário 10-K e outros arquivos e relatórios que podemos arquivar de tempos em tempos com o segundo. Não assumimos nenhuma responsabilidade de atualizar ou revisar declarações prospectivas, seja como resultado de novas informações, desenvolvimentos futuros ou de outra forma.

 

[2] A SustainChain™ recebeu menção honrosa na lista World Changing Ideas 2022 da Fast Company nas categorias AI & Data, Best World Changing Ideas North AmericaGeneral Excellence.

 

Explore os capítulos

Introdução: Sustentabilidade, solidariedade e serviços

Capítulo um: Tecnologia responsável e inovação

Capítulo dois: Além da diversidade

Capítulo três: Inclusão e justiça social

Capítulo quatro: Sustentabilidade e ação climática

Capítulo cinco: A saúde como um direito humano

Capítulo seis: Educação

Capítulo sete: Operando com integridade

Relatório anterior: A tecnologia no centro da sociedade