Master
NOT ON THE CURRENT EDITION
This blip is not on the current edition of the Radar. If it was on one of the last few editions it is likely that it is still relevant. If the blip is older it might no longer be relevant and our assessment might be different today. Unfortunately, we simply don't have the bandwidth to continuously review blips from previous editions of the RadarUnderstand more
Published: Nov 20, 2019
Last Updated: May 19, 2020
May 2020
Adote?

O React Hooks introduziu uma nova abordagem para gerenciar a lógica stateful. Como os componentes React sempre estiveram mais próximos das funções do que as classes, o Hooks adotou isso e trouxe estado para as funções, em vez de assumir as funções como métodos para o estado com classes. Com base em nossa experiência, o Hooks aprimora a reutilização da funcionalidade entre componentes e a legibilidade do código. Dadas as melhorias de testabilidade de Hooks, o uso de React Test Renderer e React Testing Library e seu crescente suporte na comunidade, os consideramos nossa abordagem de escolha.

Nov 2019
Experimente?

No começo deste ano, o React Hooks foi introduzido ao popular framework JavaScript. Eles tornaram possível usar estado e outras funcionalidades do React sem escrever uma classe, oferecendo uma abordagem mais limpa do que componentes de ordem superior ou render-props para casos de uso. Bibliotecas, tais como Material UI e Apollo já mudaram para o Hooks. Há alguns problemas com testes Hooks, principalmente com Enzyme, que contribuíram para nossa reavaliação da Enzyme como escolha de ferramenta.