Enable javascript in your browser for better experience. Need to know to enable it? Go here.
Publicado : Nov 20, 2019
NÃO ENTROU NA EDIÇÃO ATUAL
Este blip não está na edição atual do Radar. Se esteve em uma das últimas edições, é provável que ainda seja relevante. Se o blip for mais antigo, pode não ser mais relevante e nossa avaliação pode ser diferente hoje. Infelizmente, não conseguimos revisar continuamente todos os blips de edições anteriores do Radar. Saiba mais
Nov 2019
Avalie ? Vale a pena explorar com o objetivo de compreender como isso afetará sua empresa.

O mundo do aprendizado de máquina mudou levemente sua ênfase de explorar do que os modelos são capazes de entender para como eles fazem isso. Preocupações sobre introdução de vieses ou generalizar demais a aplicabilidade do modelo resultou em novas ferramentas interessantes, tais como What-if Tool (WIT). Essa ferramenta ajuda cientistas de dados a mergulhar no comportamento de um modelo e visualizar o impacto que várias funcionalidades e conjuntos de dados têm no resultado. Introduzida pelo Google e disponível tanto por meio do Tensorboard ou de notebooks Jupyter, WIT simplifica as tarefas de comparar modelos, partir conjuntos de dados, visualizar facetas e editar pontos de dados individuais. Apesar de WIT simplificar a execução dessas análises, ainda é necessário um profundo entendimento de matemática e teoria por trás dos modelos. É uma ferramenta para cientistas de dados obterem insights mais profundos sobre o comportamento do modelo. Usuários ingênuos não devem esperar que qualquer ferramenta remova o risco ou minimize os danos resultantes de um algoritmo mal treinado.

Radar

Baixar o Technology Radar Volume 26

English | Español | Português | 中文

Radar

Mantenha-se por dentro das tendências de tecnologia

 

Seja assinante

Visite nosso arquivo para acessar os volumes anteriores