Enable javascript in your browser for better experience. Need to know to enable it? Go here.
As informações desta página não estão completamente disponíveis no seu idioma de escolha. Esperamos disponibiliza-las integralmente em outros idiomas em breve. Para ter acesso às informações no idioma de sua preferência, faça o download do PDF aquí.
Atualizado em : May 15, 2018
NÃO ENTROU NA EDIÇÃO ATUAL
Este blip não está na edição atual do Radar. Se esteve em uma das últimas edições, é provável que ainda seja relevante. Se o blip for mais antigo, pode não ser mais relevante e nossa avaliação pode ser diferente hoje. Infelizmente, não conseguimos revisar continuamente todos os blips de edições anteriores do Radar. Saiba mais
May 2018
Experimente ? Vale a pena ir atrás. É importante entender como desenvolver essa capacidade. As empresas devem experimentar esta tecnologia em um projeto que possa lidar com o risco.

Since mid-2017, Chrome users have had the option of running the browser in headless mode. This feature is ideally suited to running front-end browser tests without the overhead of displaying actions on a screen. Previously, this was largely the province of PhantomJS but Headless Chrome is rapidly replacing the JavaScript-driven WebKit approach. Tests in Headless Chrome should run much faster, and behave more like a real browser, but our teams have found that it does use more memory than PhantomJS. With all these advantages, Headless Chrome for front-end test is likely to become the de facto standard.

Nov 2017
Experimente ? Vale a pena ir atrás. É importante entender como desenvolver essa capacidade. As empresas devem experimentar esta tecnologia em um projeto que possa lidar com o risco.

Since mid-2017, Chrome users have had the option of running the browser in headless mode. This feature is ideally suited to running front-end browser tests without the overhead of displaying actions on a screen. Previously, this was largely the province of PhantomJS but Headless Chrome is rapidly replacing the JavaScript-driven WebKit approach. Tests in Headless Chrome should run much faster, and behave more like a real browser, but our teams have found that it does use more memory than PhantomJS. With all these advantages, Headless Chrome for front-end test is likely to become the de facto standard.

Publicado : Nov 30, 2017

Baixar o Technology Radar Volume 27

English | Español | Português | 中文

Mantenha-se por dentro das tendências de tecnologia

 

Seja assinante

Visite nosso arquivo para acessar os volumes anteriores